terça-feira, 29 de novembro de 2011

A Saga Twilight: Amanhecer Parte 1



Está excelente, tem uma história maravilhosa e tem um bom elenco. O filme baseia-se no livro Amanhecer escrito por Stephenie Meyer, que aparece numa cena no filme como fez em Crepúsculo. O livro levou à criação de dois filmes, este filme retrata o início do fim de uma saga.

A Saga Twilight: Amanhecer Parte 1 (título em português) ou The Twilight Saga: Breaking Dawn - Part 1 (título original) é de 2011 e conta com realização de Bill Condon e com argumento de Melissa Rosenberg, que foi a argumentista de todos os filmes da saga.

No elenco principal estão Kristen Stewart, Robert Patrinson, Taylor Lautner, Billy Burke, Sarah Clarke, Ashley Greene, Jackson Rathbone, Peter Facinelli, Elizabeth Reaser, Kellan Lutz e Nikki Reed.

Aguardei por ver este filme e não me desiludi. O filme está excelente, a história magnífica e a banda sonora é boa. Este Amanhecer Parte 1 ou Breaking Dawn Part 1 leva-nos para o fim de uma saga de sucesso. Este filme na semana de estreia bateu recordes de bilheteira nos Estados Unidos da América, em Portugal e em vários dos países onde estreou.

Bella (Kristen Stewart) e Edward (Robert Pattinson) casam e algo de inesperado acontece. O filme tem uma parte passada no Rio de Janeiro, Brasil e leva Pattinson a falar português, o que é engraçado de ver.

O filme conta com cenas arrepiantes, cenas de amor, cenas de luta, entre outras. A parte final é arrepiante, intrigante e um bocado perturbadora. O filme está muito bem arquitectado e realizado. A caracterização feita a Kristen Stewart durante o desenrolar do filme está excelente, a actriz está diferente.

A cena dos lobos a falarem entre si por pensamento está excelente, as últimas cenas estão arrepiantes mas estão super excelentes e é um filme para toda a família.

Os cartazes do filme dizem que “para sempre é apenas o início”, fazendo alusão à eternidade e imortalidade. Para Denis Diderot, “a imortalidade é uma espécie de vida que nós adquirimos na memória dos homens”.

Todos nós, nem que tenha sido uma vez na vida, desejámos ser imortais ou já pensámos no assunto. E para Johan Goethe, “a vida é a infância da imortalidade”.

Voltando ao filme, não saia da sala sem ver os créditos finais, pois estes trazem-nos uma surpresa. E para quem leu o livro, como eu, não se vai desiludir ao ver o filme. Agora é só esperar que a segunda parte estreie.

Excelente, vejam.


5*

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Aberto Até de Madrugada


Este filme surpreendeu-me pela positiva, está muito bom. A história é original, o filme tem efeitos muito bons, tem uma “estória” engraçada, tem acção e tem terror.

Aberto Até de Madrugada, título português, foi realizado por Robert Rodriguez e conta com argumento de Quentin Tarantino. O filme tem 108 minutos e está repleto de acção, terror e vampiros sedentos de sangue.

Entre outros actores, no elenco  deste filme de 1996 estão os nomes de George Clooney, Quentin Tarantino, Harvey Keitel, Juliette Lewis, Ernest Liu, Salma Hayek, Danny Trejo, Tom Savini e Fred Williamson.

From Dusk Till Dawn, título original, conta com uma dança sensual por parte de Salma Hayek, tem criaturas monstruosas e uma boa caracterização.

Veja ou reveja este filme, pois vale a pena.



4*

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Chefes Intragáveis



Chefes Intragáveis (título português) ou Horrible Bosses (título original) estreou em Portugal a 4 de Agosto, tem 98 minutos e o seu argumento é de Michael Markowitz, John Francis Daley e Jonathan M Goldstein.

Tem como realizador Seth Gordon, mais conhecido por ter dirigido o filme Uns Sogros de Fugir, e conta no elenco com os nomes de Jason Bateman, Jason Sudeikis, Charlie Day, Kevin Spacey, Colin Farrell, Jennifer Aniston e Jamie Foxx, entre outros.

Este é um filme que nos faz rir, que nos faz descontrair e que nos diverte. Tem algumas peripécias, é uma história com situações hilariantes e está mesmo muito bom.

Nick (Jason Bateman), Kurt (Jason Sudeikis) e Dale (Charlie Day) estão fartos dos seus chefes. Então os três têm a ideia de matar os seus cheges, que como diz no título são intragáveis. Será que o vão conseguir?

O melhor do filme é que há dinâmica entre os actores e o filme faz-nos rir. O pior do filme é que às vezes leva uma ou outra piada ao extremo, tornando-a seca ou exagerada.
Fique atento aos créditos finais. Veja o filme pois como disse Milan Kundera, “rir é viver profundamente”.



4*

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Contágio


A história deste filme acompanha a progressão de um vírus desconhecido e à medida que se espalha rapidamente vamos também conhecer as personagens e ver as suas histórias.

É um filme com uma história muito boa e está excelentemente bem feito, pois faz com que nos sentíssemos na pele das personagens. Mesmo nos momentos mais calmos do filme estamos entranhados na sua história.  O filme capta a nossa atenção e prende-nos com o desenrolar da história.

Contágio, ou Contagion de título original, foi realizado por Steven Soderbergh e tem argumento de Scott Z Burns. À medida que a história avança vimos várias estórias dentro desta grande história.

O filme de 2011 conta com uma boa realização, pois a câmara dá-nos uma perspectiva excelente da história e dos cenários. Contágio passou por várias cidades do mundo e faz-nos pensar,e muito.

Faz-nos pensar, por exemplo, se acontecesse o mesmo ou como é que eu fazia se estivesse na pele das personagens.

No elenco principal estão os nomes de Matt Damon, Gwyneth Paltrow, Marion Cotillard, Laurence Fishburne, Jude Law, Jennifer Ehle e Kate Winslet.

À medida que a história avança tenta-se descobrir uma possível cura para a epidemia pois como disse Aulo Pérsio Flaco “a doença deve ser combatida ao nascer”.

Para mim foi o melhor filme de 2011, excelente. Deixe-se contagiar por este filme, veja.



5*

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

A Saga Twilight: Eclipse


Um excelente filme, uma boa história e bons actores. Foi adaptado do best-seller Eclipse de Stephenie Meyer e tem pequenas passagens do livro A Breve Segunda Vida de Bree Tanner da mesma autora, sendo este livro uma história à parte (um spin-off), mas que liga os dois livros.

A Saga Twilight: Eclipse (português) ou The Twilight Saga: Eclipse (original) é mais conhecido por Eclipse. O filme foi realizado em 2010 por David Slad e conta de novo com o trio protagonista dos outros filmes, Kristen Stewart, Robert Pattinson e Taylor Lautner.

Aos vampiros, lobos e à “família real” dos vampiros (os Volturi) juntam-se também vampiros recém-nascidos que são os novos vampiros, os recém-criados. Este filme foi o primeiro da saga a estrear em IMAX e foi um super sucesso de bilheteiras.

Sem dúvida excelente, sem dúvida magnífico. Não há muito mais para dizer além de ser um filme para toda a família, veja.


5*

A Saga Twilight: Lua Nova


É o segundo filme da saga e foi adaptado do livro homólogo da autora Stephenie Meyer. Apesar de ser mais parado que o primeiro filme está excelente, tem bons efeitos especiais e junta agora os lobos com os vampiros.

A Saga Twilight: Lua Nova ou The Twilight Saga: New Moon (título português e original) é um filme de Chris Weitz e que conta com Kristen Stewart, Robert Pattinson e Taylor Lautner nos principais papéis. O filme, feito em 2009, é mais conhecido como apenas Lua Nova ou New Moon.

Este filme conta uma história de amor, abandono, redenção, dor e sentimentos. Mas com vampiros, lobos e acção à mistura.

É o segundo da saga e foi também um blockbuster (sucesso cinematográfico). Vejam.


5*

Crepúsculo


É sem dúvida um dos meus filmes preferidos, pois é excelente. É um filme jovem, com aventura, romance, humor e vampiros.

Crepúsculo (título português) ou Twilight (título original) é de 2008 e foi realizado por Catherine Hardwicke. No elenco principal estão os nomes de Kristen Stewart, Robert Pattinson e Taylor Lautner. O filme foi adaptado do livro homólogo de Stephenie Meyer e assinala o primeiro episódio de uma saga.

No elenco estão também os nomes de Sarah Clarke, Billy Burke, Gil Birmingham, Michael Welch, Anna Kendrick, Christian Serratos, Nikki Reed, Kellan Lutz, Ashley Greene, Jackson Rathbone, Peter Facinelli, Rachel Lefevre, Cam Gigandet, Edi Gathegi e Elizabeth Reaser.

Conta a história de amor entre uma humana, Bella (Kristen Stewart), e um vampiro, Edward (Robert Pattinson). Tem aventura, excelentes efeitos visuais, um bom elenco, uma história maravilhosa e foi um sucesso de bilheteira. Apesar de já ter visto o filme várias vezes não me canso, vejam também.



5*

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Viagem ao Centro da Terra



Deu hoje na SIC e vi. É um filme para toda a família, é engraçado e está bem feito. É um bom filme e tem bons efeitos especiais.

Quando estreou nos cinemas saiu em 3 Dimensões (3D), mas nessa altura não o vi. O filme é adaptado da obra de Júlio Verne.

Viagem ao Centro da Terra (Journey to the Center of the Earth, título original) estreou em 2008 e foi realizado por Eric Brevig e conta com Brendan Fraser, Josh Hutcherson e Anita Briem.

Uma expedição aventureira, um filme de aventura para todos, veja.



3*